Em casa de ferreiro espeto é de pau


Todo mundo está falando maravilhas da plataforma de desenvolvimento RIA da Adobe, denominada Flex. O Flex é perfeito, é maravilhoso, não sei como desenvolver RIA se não for utilizando Flex.

Legal, então porque o site da Adobe é tão lento e lacoso, se quiser conferir faça você mesmo um teste, acesse o site e tente ficar 30 minutos navegando. É para dar raiva. E que ninguém fale que o problema é conexão (fiz um teste com conexões de 1 Mbps e 4 Mbps respectivamente e a demora foi a mesma) e nem que o computador cliente é lento (um Athlon X2 500+ e um Quad Core) e continua lento.

O site tem um estética legal, tem recursos visuais atraentes, mas é lento, é muito lento. Daí podemos tirar três conclusões:

  • O Flex dá recursos ao desenvolvedor mas cobra caro em termos de performance (e ainda reclamam do Java);
  • Os desenvolvedores contratados pela Adobe não sabem utilizar e própria tecnologia;
  • As duas alternativas anteriores.

Mais uma novidade, ao fazer o download de algum trial de software da Adobe, o mesmo é realizado por um gerenciador de download próprio. Escrito em Flex? Não, escrito em Java. Vai entender.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 323 outros assinantes

Busca

agosto 2020
DSTQQSS
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031 

Categorias