Como retaliar a redução de franquia

Assim como nós você ficou indignado com a redução de franquia? Veja como retaliar a redução de franquia e faça com que as operadoras se arrependam desta atitude.

[ad#texto]

Como retaliar a redução de franquia
Como retaliar a redução de franquia

Esta semana falamos da absurda medida de impor limites irrisórias de franquia de uso (consumo) para os planos de internet residencial (assim como já acontece com a internet para dispositivos móveis) e também comentamos que tudo não passa de mais uma joga das operadoras para força clientes a migrarem do Netflix e outros para a TV por assinatura, agora vamos mostrar como retaliar a redução de franquia e fazer com que as operadoras se arrependam amargamente.

Antes de mais nada é bom lembrar que o cliente tem a maior arma contra as operadoras e qualquer outra empresa: o seu dinheiro. Quer quebrar uma empresa abusiva? Basta gastar seu dinheiro no concorrente, é simples assim, só precisamos dar conta disso.

Como retaliar a redução de franquia: trocando de provedor

Se as grandes operadoras vai limitar a franquia visando que você pare de usar streaming e pague por uma antiquada TV por assinatura os pequenos provedores locais, aqueles que geralmente vão fornecer a conexão via rádio ou fibra, não vão impor limite visando aumentarem seu pool de clientes.

Não espere, migre!

Negocie um bom preço e mude imediatamente e na hora do cancelamento faça questão de frisar que só vai sair devido a redução de franquia. Isso vai doer.

Geralmente a velocidade destes provedores é um pouco menor, mas na prática uma velocidade um pouco menor (como se as operadoras disponibilizassem toda a velocidade prometida em contrato) mas sem limite de uso do que uma velocidade maior que o pode esgotar o seu limite de uso em poucas horas.

Como retaliar a redução de franquia: troque sua TV por assinatura

As operadoras acreditam que sem viabilidade de usar o streaming os clientes automaticamente vão assinar TV, não comprove a teoria.

Se você já tem TV por assinatura cancele e deixe bem claro que o motivo do cancelamento é a redução de franquia.

Faça como proposto acima e com a internet ilimitada assine o Netflix ou outro serviço similar de sua preferencia, o preço é bem menor que uma TV por assinatura e a comodidade é muito maior.

Se tiver gosto por conflito e gostar de jogar o mesmo jogo baixo que as operadoras estão fazendo cancele sua TV por assinatura e procure um dos meios alternativos de ter os canais de TV liberados (sim, você entendeu. Mas este método é por sua conta e risco).

Em suma, enquanto o Ministério Público não se define de maneira firme contra este absurdo você, cliente, pode e deve tomar medidas que façam com que as operadoras se arrependam.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias