Antivirus nativo do Windows 10 é realmente bom?

Será que o antivirus nativo do Windows 10 é realmente bom? Ou é apenas um remendo da Microsoft? Vamos explicar se você pode confiar nele.

Antivirus nativo do Windows 10 é realmente bom?
Antivirus nativo do Windows 10 é realmente bom?

Será que o antivirus nativo do Windows 10 é realmente bom? Talvez ele não seja a melhor opção.

Ou ainda talvez seja a pior opção, vamos desvendar isso.

Lembrando que nem sempre o antivirus que mais detecta pode ser considerado o melhor, outros fatores são tão importantes quanto a detecção.

Antivirus nativo do Windows 10: conhecendo a solução

Oficialmente o seu nome é Windows Defender e é uma solução antivirus incorporada ao Windows 10.

Anos atrás a Microsoft comprou e incorporou uma empresa de segurança com o objetivo de melhorar a qualidade do Windows Defender.

No início o produto tinha o grave problema de não possuir análise heurística, que posteriormente foi incorporada, porém de forma precária.

Até os dias atuais a análise heurística do Windows Defender é menos funcional do que outros produtos similares.

Por ser integrado ao Windows o Windows Defender possui algumas facilidades, uma delas é a recém adicionada Proteção contra Violações.

Conhecendo a Proteção contra Violações

Basicamente, a Proteção contra Violações tem o objetivo de impedir que algum tipo de malware consiga desativar o Windows Defender.

O recurso foi implementado na atualização de Maio de 2019, porém ainda não foi ativado por default.

E após ser ativado, somente a Central de Segurança poderá realizar configurações no Windows Defender, ficando somente a exceção para ambientes empresariais, onde soluções de segurança como o Microsoft Intune também poderão alterar as configurações do Windows Defender.

Se você quiser pode ativar o recurso manual:

  • No menu abra a Segurança do Windows;
  • Clique em Proteção contra vírus e ameaças na lateral esquerda;
  • Em seção Configurações de proteção contra vírus e ameaças, clique em Gerenciar configurações;
  • Desça a lista para encontrar a opção Proteção contra Violações;
  • Clique para ativar.

Mas o Windows Defender vale a pena?

O Windows Defender melhorou muito nos últimos meses, mas ainda sofre com deficiências graves.

O primeiro grande problema é a detecção heurística, que ainda é muito falha e imprecisa, ora gerando falsos positivos ora ignorando ameaças reais.

Outro grande problema é o alto consumo de disco, resultando em perda de performance, principalmente em equipamentos não tão novos.

Via de regra um computador com um processador i5 de entrada ou inferior ou que possua HD ao invés de SSD terá grande perda de performance.

Sem dúvida é melhor do que nada, mas ainda deixa muito a desejar.

Em um nicho de mercado com soluções gratuitas melhores que ele a sua manutenção no computador se torna inconveniente.

Antivirus gratuitos, como pro exemplo o Avast, apresentam menos consumo de recursos do computador e uma melhor detecção, deixando o Windows Defender totalmente irrelevante.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 321 outros assinantes

Busca

outubro 2020
DSTQQSS
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Categorias