Netbook turbinado, ou não?

[ad#texto]
Como já escrevi anteriormente, eu comprei um notebook com o processador da linha ULV da Intel.

Eu devo admitir que sempre preferi produtos AMD, pois sou adepto e defensor da proposta: “Comprar mais pagando menos”, mas no caso de notebooks só encontramos processadores AMD em alguns modelos (geralmente da Acer ou Dell) e são configurações estranhas, ou são top ou são lixo, não existe meio termo.

Como resultado me rendi a um processador
Intel e devo confessar que o acerto que a Intel fez nos processadores Pentium Dual Core da linha ULV foi muito bom, pois temos boa performance aliado a baixo consumo de energia.

Porém o objetivo deste post não é isso, é falar do Notebook como um todo e explanar as derivações que estão surgindo nesse limiar que nos levam a seguinte indagação no momento da compra: eu estou comprando um notebook modesto ou um netbook top de linha?

No meu caso a configuração foi a seguinte:

  • Processador Pentium Dual Core ULV U4100;
  • 2 Gb DDR2
  • 329 Gb HD;
  • Vídeo integrado Intel 4.

Na experiência de compra me preocupei em equilíbrio entre os componentes e em equilibrar o preço do gadget com o meu bolso, foi uma tarefa difícil.

Aliado a uma tela de 13.3″ LED tenho um bom vídeo (em contraste com a decadência do vídeo integrado provido pela Intel) e uma boa performance para minhas tarefas, com um notebook que não é top de linha mas foi barato e o melhor é pequeno (não minúsculo como um netbook) e leve (pesa apenas 1,1 kg).

Então eu tenho mobilidade semelhante a um netbook, porém com um gadget melhor e mais potente, porém inferior em termos de performance para os notebooks top de linha.

É isso que quero mostrar, quando do lançamento dos netbooks tínhamos uma linha clara e visível entre um netbook e um notebook, porém com a necessidade do mercado (leia-se demanda) essa diferença clara foi ficando dúbia até o ponto de confundir até mesmo os mais experientes.

Na placa de venda estava escrito notebook, aquele velho amigo metido disse que eu comprei um netbook, mas o fato é que isso é apenas um nome, se você comprou um gadget que foi a contento, ou seja, que atende as suas necessidades e coube bem no seu bolso o nome da sua categoria pouco importa.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 325 outros assinantes

Busca

julho 2020
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Categorias