Microsoft leva multa milionária para casa

[ad#texto]

A vários meses atrás, após longa investigação da União Europeia, a Microsoft foi acusada de coibir a livre escolha quando falamos de navegadores, pois trazia instalado no Windows o Internet Explorer não dando chances de escolha para os consumidores e nem de concorrência para Chrome, Firefox e cia.

Na época a Microsoft entrou em acordo e concordou em adicionar uma tela de escolha para os navegadores e o caso foi encerrado.

Só que os consumidores dos países do bloco europeu fizeram diversas reclamações junto à União Europeia devido ao fato de que o Windows não mais estava apresentando a tela de seleção de navegadores, após semanas de investigação foi constato que realmente a Microsoft não estava honrando o acordo.

A Microsoft foi então multada em quase 1,5 bilhões de reais pela União Europeia e o que mais espanta é que a Microsoft assumiu que não vai recorrer e que irá pagar a multa, assim, sem reclamar de nada.

Realmente pagar uma multa neste valor sem questionar é algo bem estranho, em declaração a Microsoft avisou que vai se responsabilizar por esta “falha técnica”.

Acredito que a Microsoft deva lucrar muito, mas muito mais que isso no mercado europeu e que a aceitação dessa multa é somente para evitar que a investigação se aprofunde e coisas piores caiam na mídia.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias