Ganhar dinheiro pela internet, os blogs – Parte I

[ad#texto]

Continuando a falar em formas de ganhar dinheiro pela internet, a forma mais “tradicional” e mais acessível para a maioria das pessoas que querer empreender pela internet é a geração de conteúdo.

Via de regra é empregado o uso de algum sistema CMS para gerar tanto o front-end quanto a área administrativa, tirando a necessidade de investimento em desenvolvimento de software ou conhecimento técnico, para isso o ideal é a contratação de um servidor que já dê suporte para isso e o registro de um domínio.

Quanto as opções gratuitas não são aconselháveis, a não ser que não pretenda rentabilizar o negócio, os dois maiores problemas de uma hospedagem gratuita ou serviço gratuito são a limitação para implementar programas de rentabilização e a impossibilidade de registro de domínio, no caso da rentabilização fica limitado e mais complicado a conversão de trabalho em dinheiro via publicidade e no caso do registro do domínio além de você ter dificuldades em implementar SEO alguma outra entidade poderá registrar seu nome como um domínio impossibilitando seu trabalho futuro.

Blogs, como ganhar dinheiro?
Blogs, como ganhar dinheiro?

Para escolher o servidor o ideal é uma empresa idônea, que não somente libere seu espaço, mas que também instale (lembre-se, você não precisará de conhecimento técnico) e faça o setup e demais configurações para que o seu blog funcione corretamente.

Antes de iniciar um blog é preciso se atentar sobre os seguintes detalhes:

  • Determine um tema (assunto) de preferência que você já conhece e goste;
  • Procure os blogs de maior relevância sobre o mesmo tema e veja os erros e acertos (lembre-se, aprender com o erro alheio é menos dolorido e mais rápido);
  • Estude a possibilidade de parcerias com empresas ou até mesmo outros blogs;
  • Estude a possibilidade de expandir o blog para outras ramificações. Por exemplo, e-commerce, etc.

Com o servidor configurado, domínio registrado e tema escolhido procure conhecer mais pelo sistema de CMS que escolheu, atualmente o mais indicado é o WordPress mas existem muitos outros.

Quanto a parte técnica peça para a sua hospedagem disponibilizar plug-ins para o WordPress que atendam as seguintes tarefas:

  • Implementação de SEO;
  • Proteção de spam;
  • Validador de falhas de segurança;
  • Integração com redes sociais (Facebook, Google+, Twitter, etc);
  • Gerenciador de tag´s;
  • Gerenciador do Google Analytics;
  • Gerenciador de programas de rentabilidade (veremos detalhes adiante);

Com os passos acima resolvidos o ideal é começar a agregar postagens, assim você irá se familiarizar com o sistema do CMS e verá como de fato será o seu novo trabalho, lembre-se, no início o trabalho será muito e o dinheiro pouco, mas no médio e longo prazo o trabalho continuará sendo muito mas o dinheiro tenderá a aumentar, tudo irá depender da sua dedicação e persistência.

Já com algumas postagens o ideal é que comece a explorar o mundo da rentabilização, de início o mais indicado são programas que paguem para exibir ou por clique em bannres veiculados em seu blog (daí a importância do aumento de tráfego).

No próximo post vamos explorar um pouco sobre o mundo da rentabilização para que o seu blog comece a gerar receita.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 325 outros assinantes

Busca

julho 2020
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Categorias