Windows 10 espiona mesmo sem permissão

Os problemas de privacidade na internet não param de acontecer, agora foi descoberto que o Windows 10 espiona mesmo sem permissão.

Windows 10 espiona mesmo sem permissão
Windows 10 espiona mesmo sem permissão

Usuários do Reddit vem relatando que o Windows 10 espiona mesmo sem permissão.

Ou seja, grava todas as ações do usuário, isto é, seus hábitos, cliques de mouse, históricos e etc e faz sincronismo com os servidores da Microsoft.

Mesmo que o usuário não tenha dado permissão para tal ação (este tipo de permissão é configurada no Windows).

Lembrando que a simples gravação de um histórico detalhado dos hábitos do usuário sem consentimento já seria arriscado, mas enviar para os servidores da Microsoft faz o problema ser muito maior.

Outro ponto preocupante é que mesmo que o usuário solicite o processo de limpeza as informações continuam lá.

Windows 10 espiona mesmo sem permissão: configurar para não gravar

Para, teoricamente, impedir que o Windows monitore suas ações você deve ajustar a seguinte configuração:

  • Acesse as Configurações do Windows no Menu Iniciar
  • Escolha Privacidade no fim da lista
  • Localize a seção Histórico de atividades
  • Remova a seleção da opção Enviar meu histórico de atividades à Microsoft

Deste modo o Windows não deveria efetuar o monitoramento e muito menos gravar seus hábitos e histórico, enviar para os servidores da Microsoft então, nem pensar.

Mas se você conferir no Painel de Privacidade da Microsoft no seu browser (clique no link para ir diretamente ao painel) verá seus hábitos no servidor.

O mais interessante é que o Windows está coletando dados que foram explicitamente indicados para não serem coletados, não se trata de omissão, está deliberadamente contrariando uma regra do usuário.

Windows 10 espiona mesmo sem permissão: o que diz a Microsoft

A Microsoft diz o seguinte sobre o caso:

“A Microsoft está comprometida com a privacidade do cliente. Somos transparentes com relação aos dados que coletamos e usamos em benefício do cliente e fornecemos controles para que ele possa gerenciar os dados. Neste caso, o termo “histórico de atividades” é usado tanto no Windows 10 quanto no Painel de Privacidade da Microsoft. Os dados do “Histórico de Atividades” do Windows 10 são apenas um subconjunto dos dados exibidos no Painel de Privacidade da Microsoft. Estamos trabalhando para resolver esse problema de nomenclatura em uma atualização futura”.


Aproveitando a deixa a Microsoft explicou que o procedimento “correto” para impedir a coleta de dados seria o seguinte:

  • Acesse as Configurações do Windows no Menu Iniciar
  • Escolha Privacidade no fim da lista
  • Localize a seção Histórico de atividades
  • Remova a seleção da opção Enviar meu histórico de atividades à Microsoft
  • Localize a seção Diagnóstico e comentários
  • Defina o nível Básico

O método acima apresenta apenas mais dois passos em relação ao originalmente apresentado.

Esta questão de erro de nomenclatura está estranha, é provável que mais problemas surjam em decorrência desta descoberta.

matrix
matrix

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias