Senado aprova o fim da franquia de internet, agora vai

Depois de muita confusão o senado aprova o fim da franquia de internet e coloca mais molho neste angu que ainda vai dar muito o que falar. Veja os detalhes.

[ad#texto]

Senado aprova o fim da franquia de internet
Senado aprova o fim da franquia de internet

Desde o início de 2016 vivemos na expectativa de que um dia teremos a implantação da franquia de internet fixa (na internet móvel já temos), porém senado aprova o fim da franquia de internet e complica a vida das operadoras.

Vamos então relembrar o contexto desta história.

Senado aprova o fim da franquia de internet: como tudo começou

Ainda durante o ano de 2015 as operadoras de telefonia móvel começaram de forma gradativa a implementar franquia para planos de dados da rede celular.

E como é de costume os limites de franquia são ridículos.

No início de 2016 depois de lobby das operadoras que na sua grande maioria operam a conexão móvel e conexão fixa (residencial e comercial) também começaram a impor franquia para seus planos.

E sorrateiramente alteraram contratos e tentaram mover clientes para novos planos.

O aumento de preço oculto nesta operação se tornou visível.

O mais interessante é que os limites de franquia começavam em 10GB mensais, o que é irrisório.

Senado aprova o fim da franquia de internet: os motivos

Como disse anteriormente as operadoras detém direitos em conexão móvel, conexão fixa e também em canais de TV por assinatura, ou seja, uma operadora X (não vou citar nomes, mas todas tem os famosos combos) vai tentar te empurrar um combo com telefone fixo, conexão fixa, TV por assinatura e conexão móvel.

Como a TV por assinatura cai em desuso a passos largos o limite de de franquia do jeito que tentaram implementar iria frear o uso de streaming sob demanda, acabando com a expansão do Netflix e seus similares.

A cereja do bolo fica por conta da Anatel dizer que tudo isso iria beneficiar o consumidor.

Completo absurdo!

[ad#texto]

Senado aprova o fim da franquia de internet: como ficou?

Uma liminar tem mantido a cobrança de franquia impossibilitada de ser aplicada.

Mas como é uma liminar pode ser cassada a qualquer momento.

Principalmente com a Anatel apoiando descaradamente as operadoras em detrimento dos consumidores.

Senado aprova o fim da franquia de internet: o que fez o senado?

Na última terça-feira (14) depois de receber status de urgência, o texto de autoria do senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) finalmente foi aprovado em reunião do Plenário.

Com a votação realizada nesta quarta-feira (15), o projeto de lei proíbe mais uma vez que as operadoras de internet no Brasil implementem a temida franquia de dados.

Mas a batalha ainda não está totalmente vencida pelos consumidores.

A Câmara dos deputados também tem de aprovar o texto.

Só então um adendo ao Marco Cívil da Internet será adicionado versando: “a não implementação de franquia limitada de consumo nos planos de internet banda larga fixa”.

Resumindo: ainda temos um longo caminho pela frente.

Mas o primeiro passo foi dado na direção certa.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias