Como escolher um roteador para a rede doméstica

Veja como escolher um roteador para a rede doméstica da sua casa e evite dores de cabeça com problemas de configuração e incompatibilidade.

[ad#texto]

Como escolher um roteador para a rede doméstica
Como escolher um roteador para a rede doméstica

Escolher um roteador nem sempre é tarefa fácil, especialmente porque nem todo roteador barato é ruim e nem todo roteador caro é adequado para suas necessidades, então veja como escolher um roteador para a rede doméstica da sua casa.

Neste primeiro momento não vamos citar marcas, somente funcionalidades.

Em um segundo momento vamos pontuar algumas opções de bons roteadores para os principais tipos de uso de uma rede doméstica.

Como escolher um roteador para a rede doméstica: o alcance e repetição de sinal

Em teoria um roteador wireless consegue propagar seu sinal para 100 metros em terrenos livres e 50 metros dentro de casa ou escritório.

Na prática não chega nem perto disso.

Digo que fique em aproximadamente 50 metros em campo aberto e 20 metros dentro de casa ou escritório, lembrando que quanto mais paredes o sinal tiver que atravessar menor será o alcance.

Cuidado com colunas d´água de aquários, elas impedem por completo a passagem de uma rede wireless.

Desta forma é interessante pensar em um roteador com suporte a propagação de sinal.

Entenda por propagação de sinal aquele roteador que consegue receber um sinal wireless de outro roteador e propaga-lo, assim o alcance de sua rede é expandido.

Como escolher um roteador para a rede doméstica: atualizações

Lembre-se sempre de consultar o site do fabricante do roteador que deseja comprar e verifique se o mesmo disponibiliza atualizações com regularidade.

A medida que os outros gadgets evoluem atualizar o roteador é essencial para evitar incompatibilidades futuras e nada pior que um fabricante que abandona seu produto.

Avalie também o quão fácil é o processo de atualização.

Como escolher um roteador para a rede doméstica: porta USB

Uma característica muito interessante é que alguns roteadores tem uma porta USB para que um HD externo seja conectado.

Assim o seu roteador pode prover arquivos para todos os equipamentos de maneira transparente.

Desta forma arquivos (mídias, imagens, etc) podem ser trocados e armazenados entre os gadgets conectados na sua rede.

Como escolher um roteador para a rede doméstica: o fabricante resolve os problemas?

Antes de comprar efetivamente seu roteador avalie o fabricante.

Verifique o índice de defeitos que o roteador escolhido apresenta e como e em quanto tempo o fabricante resolve os tais problemas.

Pense que em uma situação de emergência é importante contar com um fabricante atencioso.

Neste caso desconfie de fabricantes pouco conhecidos ou novos no segmento.

Por hora é isso, agora você sabe como comparar recursos e evitar dor de cabeça.

No próximo post vou citar alguns roteadores e suas principais aplicações.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias