Como fazer ancora dinâmica com JQuery

Um bom efeito de transição pode diferenciar seu site, veja como fazer ancora dinâmica com JQuery e atribua este diferencial ao seu site.

Você já viu aquele efeito bonitinho onde ao clicar com um link a página rola suavemente para a sua posição? Então, isso é um tipo de ancora implementada com JQuery, bem simples e funciona em todos os browsers, então veja como fazer ancora dinâmica com JQuery.

Como fazer ancora dinâmica com JQuery

Como fazer ancora dinâmica com JQuery

Vamos primeiro ao código:

function scrollAnimate(elemento, margem, velocidade, url){
 $(location).attr('href', url);
 
 if($(elemento).length > 0){
  posicao = $(elemento).offset().top - margem;
 }
 
 $('html, body').stop().animate({ scrollTop: posicao }, velocidade);
}

Vamos explicar primeiro os parâmetros desta função:

  • elemento: pode ser o class ou id de qualquer elemento DOM do HTML que será o destino da ancora;
  • margem: caso queira, pode pontuar uma margem para sobra no posicionamento;
  • velocidade: é a velocidade do movimento;
  • url: é a URL de destino, pode ser outra URL da original ou pode ser a mesma.

Uma vantagem desta função é que você pode apontar para a mesma URL e fazer um movimento de ancora ou ainda apontar para outra URL e com isso obter o efeito de rolamento na transição entre páginas.

A função foi testada em diversos browsers, do Google Chrome ao Internet Explorer e em todos o funcionamento foi total.

Não se esqueça de agregar o JQuery a sua página, se não fizer isso esta função não vai funcionar.

Pronto, agora você já sabe como fazer ancora dinâmica com JQuery.

Leia mais:

Como instanciar classes dinamicamente com Java

Veja uma forma muito simples de como instanciar classes dinamicamente com Java e flexibilize seu código-fonte, uma necessidade de todos os desenvolvedores.

Em diversas situações vamos precisa flexibilizar o código-fonte ao ponto de só sabermos qual classe instanciar em tempo de execução e daí descobrimos que não sabemos como instanciar classes dinamicamente com Java.

Como instanciar classes dinamicamente com Java

Como instanciar classes dinamicamente com Java

Porém este processo é mais simples do que você pode imaginar. Veja um simples exemplo:

Class classe = Class.forName("net.viamais.exemplo.MinhaClasse");
Object instancia = classe.newInstance();
Method meuMetodo = classe.getMethod("metodoMeu");
Boolean controle = (Boolean) meuMetodo.invoke(instancia);

Vamos detalhar o passo-a-passo de como instanciar classes dinamicamente com Java:

  • Linha 1: pelo nome da classe com sua especificação completo eu “carrego a classe” em tempo de execução;
  • Linha 2: eu crio a instancia da classe apontada anteriormente (neste ponto o construtor padrão já é executado como quando eu instancio normalmente);
  • Linha 3: eu defino o método que vou executar;
  • Linha 4: eu invoco o método e capturo o seu retorno.

Pronto, um processo muito simples e agora você já sabe como instanciar classes dinamicamente com Java.

Leia mais:

Como configurar corretamente o backup automático do Google

Veja como configurar corretamente o backup automático do Google para consumir menos bateria e não consumir seu plano de dados.

Realmente o backup automático do Google é uma mão na roda, seja no caso de uma troca de smartphone, em caso de roubo ou até mesmo em caso de dano, todas as fotos, vídeos e outros arquivos importantes estarão na nuvem, porém muita gente reclama que deixando o backup automático ativo o consumo de bateria e tráfego de dados é muito alto, isso é devido a falta da devida configuração. Então veja aqui como configurar corretamente o backup automático do Google.

Por padrão – afinal o Google não sabe o que e como você quer fazer backup – o seu gadget vai fazer backup automático das pastas com arquivos pessoais sempre que forem alteradas, mas isso vai exigir muito da bateria e do seu plano de dados por isso acredito que o melhor modo é equilibrar a segurança do backup configurando para que o backup automático do Google somente seja executado quando o gadget estiver conectado no wi-fi e para poupar a bateria configure também que o gadget esteja carregando. Veja como é simples:

  • Para configurar para realizar o backup somente no wi-fi: abra o App Fotos > Configurações > Backup Automático > Fazer Backup de fotos, aqui selecione somente com conexão wi-fi;
  • Para configurar para realizar o backup somente quando carregando: App Fotos > Configurações > Backup Automático > Somente Carregando, aqui selecione a caixa de seleção.

Pronto, agora você não vai gastar seu plano de dados com backup nem corre o risco do backup iniciar quando você estiver com a bateria acabando e longe da tomada.

Mais uma dica muito legal, você sabe como configurar corretamente o backup automático do Google para fazer o backup somente das pastas que você quiser?

É muito simples, primeiro abra o App Fotos > abas da esquerda > No Dispositivo, dentro desta opção serão exibidas as fotos em suas respectivas pastas (lembre-se que o backup automático varre todas as suas pastas em busca de fotos e vídeo) agora vem a parte da seleção de pastas para backup.

Como configurar corretamente o backup automático do Google - acessando a configuração

Como configurar corretamente o backup automático do Google – acessando a configuração

Você notou que na parte superior ao lado do nome da pasta tem um ícone de uma nuvem azul? Este ícone indica que a pasta está configurada para fazer o backup automático, para desmarca basta tocar este ícone e ele de azul passará a ser cinza.

Como configurar corretamente o backup automático do Google - Selecionando pastas de backup

Como configurar corretamente o backup automático do Google – Selecionando pastas de backup

Viu como configurar corretamente o backup automático do Google é simples?

Leia mais:

Ative sugestões para pesquisa no Chrome para Android

O Google ainda não avisou mas ative sugestões para pesquisa no seu Chrome para Android e dinamize os resultados das suas buscas.

Aí vai uma dica que até agora estava oculta – ninguém sabe porque o Google não divulgou ainda – ative sugestões para pesquisa diretamente na barra de endereços do seu Google Chrome para Android.

Ative sugestões para pesquisa no Chrome para Android

Ative sugestões para pesquisa no Chrome para Android

O recurso funciona da seguinte forma: a medida que você vai digitando uma pesquisa o Google já responde diretamente na barra de endereços, muito mais prático do que ter que aguardar o resultado da busca propriamente dita.

O recurso recebe o nome de Answers in Suggest e foi descoberto pelo pessoal do OMG! Chrome e ainda é um experimento, então fica o aviso que erros podem ocorrer.

Ative sugestões para pesquisa no seu Google Chrome digitando o endereço chrome://flags (isso vai abrir uma central de configurações, então tome cuidado) e procure por Answers in Suggest e depois toque em ativada.

Reinicie seu Google Chrome e pronto, você já terá as sugestões para pesquisa ativada diretamente na sua barra de endereços.

Leia mais:

Misterioso evento da Microsoft acontece este mês

Um misterioso evento da Microsoft está marcado para o dia 30 de setembro e todos os rumores apontam para a apresentação do novo Windows, veja os detalhes.

Hoje toda a mídia está discutindo se o misterioso evento da Microsoft irá mesmo anunciar para todos mais detalhes acerca do Windows 9 e é provável que sim.

Misterioso evento da Microsoft acontece este mês

Misterioso evento da Microsoft acontece este mês

O convite diz muito pouco – para não falar quase nada – sobre o misterioso evento da Microsoft, porém é quase certo que a julgar pela data, será no dia 30 de setembro, o principal anuncio seja realmente o lançamento da nova versão do Windows e é provável que neste evento saibamos mais sobre as seguintes novidades do Windows 9:

  • Assistente de voz Cortana;
  • Suporte para múltiplas telas;
  • Menu Iniciar;
  • Área de notificação.

Estes são somente os detalhes principais muitos outros recursos menores tomam parte do novo Windows.

A princípio o Windows 9 – caso este seja mesmo o seu nome – somente terá a sua versão final lançada em abril de 2015 e que logo após ao evento seja disponibilizado um link para download de uma versão Tech Preview do Windows 9 para que em finais do ano uma versão Release Candidate seja lançada para enfim todos se prepararem para o lançamento inicial.

A julgar pelo recente vazamento de uma versão “utilizável” do Windows 9 é provável que aquela versão já seja o Tech Preview do Windows 9 o que confirmaria todos os rumores.

Resta agora esperar pelo dia 30 de setembro para realmente saber o que será revelado no misterioso evento da Microsoft.

Leia mais:

Android One: barato e atualizado como o Nexus

Hoje o Google anunciou o primeiro smartphone construído seguindo as diretrizes do projeto Android One e já é o melhor smartphone de baixo custo lançado.

Hoje o Google deve anunciar na Índia o primeiro smartphone sob a iniciativa Android One, o primeiro modelo de uma série que promete se expandir para outros países em desenvolvimento até o final do ano.

Android One: barato e atualizado como o Nexus

Android One: barato e atualizado como o Nexus

O projeto Android One consiste em uma estratégia de levar smartphones a preços baixos para as massas, principalmente em países em desenvolvimento onde a adoção do uso de smartphones pela população está diretamente ligada ao preço.

O projeto irá fornecer informações necessárias para que fabricantes e integradores de hardware projetem e construam smartphones com bom desempenho e bem ajustados as necessidades do Android, além de um modelo de hardware referencial o Google tem buscado acordos com fabricantes locais para impulsionar o projeto e assim conseguir levar as massas smartphones com excelente custo-benefício sem os eventuais problemas de performance que os smartphones de entrada geralmente apresentam.

Outro fato interessante do projeto Android One é que ele irá garantir que o processo de atualização dos smartphones seja transparente e que os gadgets não parem no tempo e fiquem limitados a versões defasadas do Android ou ainda que seus donos tenham que recorrer a Custom Rom´s para atualizar seus respectivos aparelhos.

A Índia foi escolhida para o primeiro gadget do projeto devido ao fato de que apenas 10% da população tem smartphones e que de acordo com projeções do mercado este número deve dobrar em questão de meses, ou seja, é um mercado em ebulição que se for estimulado corretamente poderá representar um importante marco.

Até o final do ano o Google planeta expandir o projeto Android One para outros países da Ásia e a tendência é ela seja expandida para vários outros países emergentes.

Leia mais:

Como será o Windows 9, veja as novidades

Veja mais novidades e como será o Windows 9 e levando em conta que já existe um build rodando por aí é quase certo que ele seja assim mesmo.

As notícias e rumores sobre como será o Windows 9 começam a surgir em todos os cantos da internet de forma que já começamos a ter um horizonte mais claro de como será esta nova versão do Windows.

Como será o Windows 9, este é o botão Iniciar

Como será o Windows 9, este é o botão Iniciar

O pessoal do site alemão WinFuture estão testando um build bem recente do Windows 9 e pelo grau de refinamento e funcionalidade é passível admitir que ela está muito próxima da versão final do Windows 9.

Voltando a afirmar, a grande briga quando o Windows 8 foi lançado foi a questão da remoção do botão Iniciar – presente desde o Windows 95 – tanto que no Windows 8.1 a Microsoft até mesmo adicionou uma Central de Aplicativos e agora no Windows 9 é certo que o botão Iniciar irá retornar mas não como o conhecíamos, será uma versão totalmente nova e ambienta no novo conceito de usabilidade adota pelo Windows 8.

O botão Iniciar será totalmente integrado ao conceito de Tiles, onde os aplicativos serão exibidos no lado esquerdo e as Tiles no lado direito, ainda não está claro até que ponto iremos poder configurar o botão Iniciar, porém é possível notar que em determinados aplicativos, como por exemplo o Windows Explorer, será possível navegar entre as pastas dentro do próprio botão Iniciar.

Realmente uma inovação, continuando a falar de como será o Windows 9, podemos também notar que será possível escolher se o Windows 9 será carrega na tela inicial das Tiles ou se no modo desktop tradicional.

Com todas estas mudanças fica mais que evidente o grande esforço da Microsoft em tentar unir conceitos antigos e ultrapassados no seu novo conceito de usabilidade, coisa extremamente difícil de realizar, talvez por isso o Windows 8 tenha sido tão controverso no seu lançamento.

Não pode esquecer que além de tudo isso existe a questão da união do Windows padrão x86_64 com o Windows padrão RT (para processadores ARM) o que iria unificar duas plataformas de execução em apenas uma versão e abriria a possibilidade de intercambio de aplicativos de ambas as plataformas.

Agora sabemos um pouco mais sobre como será o Windows 9, mas questões de preços e políticas comerciais ainda continuam uma grande incógnita, apenas rumores de que exista a possibilidade do Windows 9 ser grátis na versão de upgrade.

Leia mais:

Mascaras diversas com Jquery para seu formulário

Veja várias dicas de como validar seu formulário Web com mascaras diversas com JQuery e veja como usar toda o potencial do plugin JQuery-Mask.

Mascaras diversas com Jquery para seu formulário

Mascaras diversas com Jquery para seu formulário

Dias atrás estive pesquisando sobre formas de utilizar mascaras diversas com Jquery, foi então que notei que nem 10% do potencial do JQuery com o plugin JQuery-mask era utilizado, então resolvi listar alguns padrões de mascaras que encontrei:

$(document).ready(function(){
$('.date').mask('00/00/0000');
$('.time').mask('00:00:00');
$('.date_time').mask('00/00/0000 00:00:00');
$('.cep').mask('00000-000');
$('.phone').mask('0000-0000');
$('.phone_with_ddd').mask('(00) 0000-0000');
$('.phone_us').mask('(000) 000-0000');
$('.mixed').mask('AAA 000-S0S');
$('.cpf').mask('000.000.000-00', {reverse: true});
$('.money').mask('000.000.000.000.000,00', {reverse: true});
$('.money2').mask("#.##0,00", {reverse: true, maxlength: false});
$('.ip_address').mask('0ZZ.0ZZ.0ZZ.0ZZ', {translation: {'Z': {pattern: /[0-9]/, optional: true}}});
$('.ip_address').mask('099.099.099.099');
$('.percent').mask('##0,00%', {reverse: true});
$('.clear-if-not-match').mask("00/00/0000", {clearIfNotMatch: true});
$('.placeholder').mask("00/00/0000", {placeholder: "__/__/____"});
);

O exemplo acima são de mascaras diversas com Jquery simples, sem muita complicação e vão cobrir cerca de 80% das suas necessidades ao desenvolver formulários Web, mas uma dica interessante é que o plugin também permite a utilização de notação HTML, como no exemplo abaixo:

<input name="field-name" type="text" data-mask="00/00/0000" data-mask-reverse="true" />;

Lembram que eu falei que nem 10% do potencial do plugin JQuery-mask era utilizado? Então, existe formas mais complexas para necessidades mais específicas, uma delas é utilizar a máscara como uma função, veja o exemplo abaixo:

var celphoneMask = function(phone, e, currentField, options){
 
return phone.match(/^(\(?11\)? ?9(5[0-9]|6[0-9]|7[01234569]|8[0-9]|9[0-9])[0-9]{1})/g) ?
                   '(00) 00000-0000' : '(00) 0000-0000';
};
 
$(".sp_celphones").mask(celphoneMask);

Mas não paramos por aí, veja um outro exemplo que também será útil, a utilização de dígitos opcionais em uma máscara, muito útil para quem vai formatar campos com regra de máscara mas sem exigência mínima de tamanho:

// way 1
$('.ip_address').mask('099.099.099.099');
 
// way 2
$('.ip_address').mask('0ZZ.0ZZ.0ZZ.0ZZ', {translation:  {'Z': {pattern: /[0-9]/, optional: true}}});

Um detalhe para facilitar o entendimento destas mascaras diversas com JQuery é a legenda do padrão de dígitos:

  • 0: Only Numbers
  • 9: Only Numbers but optional
  • #: Only Numbers but recusive
  • A: Numbers and Letters
  • S: Only A-Z and a-z characters.

Mais modelos e exemplos podem ser retirados do post do Igor Escobar que trata especificamente sobre a JQuery.

Leia mais:

Facebook testa postagens autodestrutivas

Descobrimos que o Facebook testa postagens autodestrutivas para trazer mais um recurso para a sua rede social, veja todos os detalhes aqui.

Esta semana foi descoberto que o Facebook testa postagens autodestrutivas na plataforma iOS, notícia que foi confirmada por um porta-voz do Facebook.

Facebook testa postagens autodestrutivas

Facebook testa postagens autodestrutivas

A princípio este novo recurso funciona de uma forma muito simples, o usuário poderá publicar uma mensagem e programar até quando ele ficará disponível e ao término do período estabelecido a mensagem seria automaticamente deixada de exibir, o período de tempo de exibição irá de 1 hora até 7 dias.

Aparentemente é mais uma investida do Facebook em tentar minar o fértil terreno do App Snapchat já que este é um recurso bastante utilizado pelos mais de 100 milhões de usuários do App.

Aliás falando em Snapchat vale lembrar que o Facebook lançou em junho o App Slingshot com as mesmas funções do Snapchat, porém o App não “pegou” e praticamente não é utilizado.

Embora o Facebook testa postagens autodestrutivas ainda não existe uma data de lançamento de uma atualização que contenha esta funcionalidade e mesmo não afirmando é bem provável que tanto o iOS quanto o Android possuam este recurso.

Leia mais:

App Snapchat, mensagens com prazo de validade

O App Snapchat segue fazendo muito sucesso e nem mesmo Facebook consegue derruba-lo, veja aqui os detalhes desta batalha pela atenção dos usuários.

O App Snapchat é totalmente baseado na dinâmica veloz das iterações digitais adotada principalmente pelos jovens e que atualmente tem se tornado tema de discussão sobre seus limites, obrigações e deveres.

App Snapchat, mensagens com prazo de validade

App Snapchat, mensagens com prazo de validade

O App Snapchat foi desenvolvido por estudantes da Universidade de Stanford e permite que os usuários gravem vídeos ou fotos e a eles adicione texto e/ou desenhos, para em seguida definir um tempo de exibição que irá variar de 1 a 10 segundos para finalmente enviar para os amigos constantes em sua lista.

Findado o período de vida da posta a mesma é apagada no gadget do usuário e também dos servidores, porém é possível tirar um screen shot da mensagem, fato que o usuário remetente da imagem receberá um aviso.

No início do App Snapchat vários usuários foram surpreendidos ao notarem que fotos íntimas notadamente trocadas entre casais de namorados estavam parando publicamente na internet, isso ocorre pois a parte recebedora da mensagem poderá utilizar vários meios para produzir um screen shot da mensagem e então poderá divulga-la.

Atualmente o App está disponível para as plataformas Android, iOS e Windows Phone e conta com cerca de 100 milhões de usuários ativos por mês.

Em uma tentativa de se aproveitar do enorme sucesso do Snapchat o Facebook lançou o Slingshot em junho de 2014, fato que em nada abalou o Snapchat já que o App do Facebook mostrou-se totalmente inócuo.

Leia mais: