Xiaomi Mi Mix Alpha é lançado e surpreende

O smartphone Xiaomi Mi Mix Alpha é lançado e surpreende a todos. Mas será que realmente a inovação vale o preço que está sendo cobrado?

Xiaomi Mi Mix Alpha é lançado e surpreende
Xiaomi Mi Mix Alpha é lançado e surpreende

A capacidade asiática, notadamente a chinesa, em surpreender e inovar com itens de tecnologia é realmente única, nesta pegada é lançado o Xiaomi Mi Mix Alpha.

Um smartphone pensado totalmente fora da caixa, inovando em cada detalhe.

Para quem vem acompanhando a Xiaomi sabe que a linha Mix é um caso a parte, destinada a pesquisas e novidades que se aproximam mais de um conceito do que de um produto convencional.

No caso do Alpha o abuso de tela, que compõe quase todo o aparelho é algo nunca visto antes.

Xiaomi Mi Mix Alpha é lançado e surpreende: o gadget

Este gadget contém tela em toda a frente, nos dois lados e quase toda a traseira.

O aparelho contém 180,6% de tela, algo muito acima do smartphone que até então possuía mais tela, o Galaxy Note 10 que possui 90,9% de tela.

Observe a foto acima, todo o smartphone é praticamente uma tela e nada mais.

Com isso cria-se alguns conceitos novos e que devem ser vencidos:

  • Bateria para sustentar toda essa extensão de tela
  • A pegada e usabilidade do gadget pelo usuário
  • Resistência a queda e arranhões de toda a tela, que agora fica em contato direto com superfícies duras, como uma mesa, por exemplo
  • Transição dos aplicativos entre os lados que agora são telas contínuas

A especificação

A Xiaomi tem feito mistério, principalmente no que tange a tela:

  • Tela não foi informada, mas aparente ser algum tipo de OLED
  • Camera principal de 108 megapixels
  • Camera secundária de 20 megapixels com lente ultrawide
  • CPU Snapdragon 855+
  • Memória RAM de 12 GB
  • Armazenamento interno de 512 GB
  • Bateria de 4.050 mAh com carregamento de até 40 watts

Realmente é pouca bateria para tanta tela e uma CPU tão potente, a não ser que a Xiaomi tenha desenvolvido alguma tecnologia fantástica de otimização, o que é pouco provável.

Mas a julgar pela capacidade de carregamento acredito que ele seja ultra rápido, pois este gadget será quase um telefone fixo de tanto que dependerá de carga.

Valores e condições comerciais

Mais caro que o mais caro dos iPhone a Xiaomi abre um precedente quando falamos de valores.

O valor é de ¥ 19.999, que convertido para dólares fica em mais ou menos US$ 2.800 e em reais fica em R$ 11.800,00.

É muito caro, realmente muito caro.

E além do preço absurdo temos questões sérias que não foram bem explicadas, como a pegada do aparelho e a duração da bateria.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias