TVBox HTV com malware: veja os detalhes divulgados pela Anatel

O modelo mais vendido no Brasil está chegando as nossas casas com um presentinho, TVBox HTV com malware foi identificado pela Anatel.

TVBox HTV com malware: veja os detalhes divulgados pela Anatel
TVBox HTV com malware: veja os detalhes divulgados pela Anatel

O TVBox HTV com malware é o modelo de TVBox mais vendido no Brasil, mesmo sendo um produto caro, custando cerca de R$ 1.000,00 a unidade.

Mesmo sendo um equipamento caro, por liberar canais de TV por assinatura e streaming gratuitamente é muito utilizado no Brasil.

O consumo é tão alto que a Anatel vem investigando e monitorando sua entrada e uso no país.

TVBox HTV com malware: veja os detalhes sobre o malware

O malware identificado tem a capacidade de roubar dados do usuário que ativou o aparelho e encaminhar a um servidor localizado fora do país.

Em seguida ela usa uma porta para um servidor desconhecido e com isso busca uma lista de portas e gateways para utilizar caso o usuário identifique e bloqueie a primeira porta.

Embora o malware tenha a capacidade de assumir o controle do equipamento até o momento este tipo de comportamento não foi verificado.

Lembrando que existe um consumo elevado de processamento para encapsular dados e envia-los a servidores espalhados no exterior.

Por fim este malware conecta o dispositivo a uma botnet, liberando sua utilização para ataques DDoS.

Essa investida contra servidores inviabiliza os serviços de rede do usuário devido a uma avalanche de comandos.

Existe ainda a possibilidade destes aparelhos serem utilizados na mineração de criptomoedas, devido ao fato do alto poder de processamento de alguns modelos.

Muito superior ao exigido para um simples TVBox, porém não existe comprovação de que de fato esteja ocorrendo mineração.

Pouca transparência

Embora o estudo realizado pela Anatel sinalize um grande alerta para os usuários devemos ponderar alguns detalhes:

  • A Anatel utilizou de simulações para poder determinar o funcionamento destes aparelhos
  • É possível que o malware seja apenas um aplicativo utilizado para consumar a pirataria e que de fato não tenha a intenção de lesar o usuário
  • A Anatel tem interesse direto em disseminar pânico para diminuir o interesse do público em geral neste tipo de apararelho

Todavia é interessante que o estudo seja aprofundado, até mesmo para a Anatel entender com exatidão o mecanismo utilizado.

Pirataria é crime

Mesmo que a Anatel esteja “forçando a barra” para disseminar pânico, pirataria é crime e pode comprometer a privacidade do usuário.

Embora TV por assinatura ainda tenha um custo elevado no Brasil, aplicativos de streaming tem um custo muito reduzido.

Desta forma não se justifica a pirataria pelo preço, isso que nem falamos dos inúmeros canais de streaming de transmissão gratuita.

matrix
matrix

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 316 outros assinantes

Busca

novembro 2022
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Categorias