Servidor Windows


Existe uma batalha de titãs no nicho de sistemas operacionais que hoje é travada em Windows e Linux, seja no segmento de desktop ou de servidores (eu sei, não estou considerando o mercado mobile, mas esse é um nicho ainda instável e relativamente novo).

O fato é que profissionais tanto do Windows como do Linux apresentam uma gama enorme de vantagens e sempre minimizam ou até mesmo não aceitam as desvantagens do seu ambiente, porém uma coisa é preciso destacar, a questão do uso e da segurança.

É fato de que o Windows Server é bem mais intuitivo e seus inúmeros assistentes permite que mesmo uma pessoa com um mínimo de conhecimento sobre TI e servidores conseguirá instalar e administrar o básico dos serviços, sem muito esforço. O problema é que um servidor assim é instável e pouco seguro.

É fato que o Linux apesar de ser complicado e demandar um profissional com mais experiência (e como conseqüência mais caro) é sim um ambiente mais seguro, e essa vantagem em um servidor é fundamental.

Um sistema operacional para servidor não tem a necessidade de ser tão fácil e intuitivo quanto um Windows 7, é válido salientar que também não precisa ser a complicação em pessoa, mas não podemos em hipótese nenhuma sacrificar a segurança em nome da praticidade.

E tem um outro fator pesando contra o Windows: a incidência de vírus!

Podemos ter os melhores aplicativos de defesa e segurança (antivírus, antispyware, antirootkit, etc) é fato de que o Windows sempre foi e sempre será suscetível a vírus, e um Windows Server infectado é algo preocupante.

Para ilustrar a situação: em uma empresa que não irei citar o nome, existe um servidor Windows e o problema é que o servidor foi infectado por um vírus de compartilhamento e agora além de infectar todos os desktops da rede com unidades mapeadas também resolveu bloquear aleatoriamente algumas portas do protocolo TCP o que força o seu restart. Para ficar mais legal, como iremos parar o servidor por cerca de 3 horas para a completa manutenção e remoção desse vírus, haja visto que o servidor executa um processo vital para a empresa.

Creio que nem preciso entrar mais em detalhes.

Então da próxima vez que for escolher uma plataforma para o servidor, por favor, pondere muito além do marketing brutal que existe em torno do Windows e dos aficcionados loucos que existem ao redor de toda distribuição Linux.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 324 outros assinantes

Busca

julho 2020
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Categorias