Primeiros testes do Windows 8

[ad#texto]
Com o anúncio da possibilidade de download do preview do Windows 8, os primeiros testes já começam a pipocar por toda a Internet. Então tomei coragem e instalei o Windows 8, e devo confessar que a estabilidade está muito boa (nem parece um produto Microsoft).

Vou dividir a análise em alguns tópicos para facilitar a leitura e entendimento:

  • Estabilidade: realmente um ponto fortíssimo no Windows 8, devo confessar que a Microsoft fez um excelente trabalho até agora, embora a versão seja um preview (nem mesmo alcançou o estágio de BETA) ocorrem poucos erros e os erros que ocorrem não prejudicam o sistema, que consegue reagir e voltar ao estado de funcionamento normal com pouca perda de dados, algo que considero raro em uma versão tão imatura de um sistema operacional. O único detalhe que me impede de conceituar a estabilidade do Windows 8 como o estado da arte para um preview é que do nada, uma única vez, ao ligar o notebook ficou caindo na famosa BSOD, nossa velha conhecida blue screen of death, mas realizando o boot pelo pendrive o método de correção de erros corrigiu o problema e o sistema voltou a funcionar novamente.
  • Performance: realmente a performance do Windows 8 está muito bem acertada e a velocidade do boot é impressionante, principalmente para quem sabe do crônico problema do Windows quanto ao tempo de boot. Como instalei o Windows 8 em um notebook normal, nada de top de linha falando em hardware, afinal teremos que testa-lo em condições reais de uso, notei que a performance no uso do sistema ao executar o primeiro boot era baixa, o sistema era lento, a princípio pensei ser por se tratar de uma versão preview, mas depois percebi que o Windows 8 sinalizava que era preciso checar o sistema em busca de acertos de configuração, bastou realizar este procedimento que o sistema passou a responder de forma muito melhor. É como se o Windows 8 tivesse um utilitário de otimização no pós-instalação.
  • Interface Metro: realmente a interface Metro é uma proposta inovadora e ousada. Mas no geral gostei bastante e aprovo sua semântica de uso, afinal ele integra de fato o Windows 8 na Internet e principais API´s atuais e de quebra integra o Windows a diversos dispositivos, com certeza é o futuro do Windows e uma tendência que deverá ser seguida, até mesmo pela Apple em um futuro próximo. Ainda faltam alguns refinamentos para melhorar a performance de uso e deixar algumas opções mais a mão do usuário, mas como a Microsoft estará ouvindo as opiniões dos usuários é muito provável que o Metro sofra diversos refinamentos antes do lançamento da versão RTM.

Realmente o Windows 8 é um ótimo trabalho, mostra que a decisão de reescrever praticamente todo o código-fonte do Windows foi uma ação acertada e que se tivesse sido realizada desde o Windows Vista diversos problemas do Windows já teriam tido solução a muito tempo.

Contudo nem tudo são flores, embora o Windows 8 tenha reconhecido todo o hardware, o que é ponto positivo para o Windows, os drivers da Microsoft ainda não são os melhores e podem depreciar a performance do sistema como um todo, principalmente no que tange placas de rede (cabeada e wireless) e vídeo. A boa notícia é que todos os drivers do Windows 7 são totalmente compatíveis com o Windows 8, e realmente eu instalei e a resposta do Windows 8 foi completamente positiva tanto em termos de estabilidade como performance.

Como eu fiz o teste? Fui valente e instalei em um notebook de produção, ou seja, teste mais real do que este impossível, já instalei diversos softwares, ferramentas de desenvolvimento, plug-ins e mais uma infinidade de recursos que temos que utilizar diariamente e que o sistema operacional precisa estar preparado para lidar com estas situações e tudo está transcorrendo muito bem, com pequenos bugs, mas realmente muito menos do que eu esperava para um release de teste primário.

Realmente caso a Microsoft siga esta linha de desenvolvimento a versão final do Windows 8 irá revolucionar o mercado, deixando para trás a estabilidade do Linux e a revolução de usabilidade do OSx, agora resta saber como a concorrência está digerindo tanta novidade e inovação.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias