O lançamento do Windows 7


Na virada de outubro para novembro a Microsoft lançou a sua nova versão do Windows, chamada de Windows 7 que promete ser a salvação da lavoura depois do fiasco que foi o Windows Vista.

Amores platônicos a parte agora é a hora crucial para a Microsoft mostrar que realmente o Windows 7 é tudo o que ela prometeu e por que não até um pouco a mais.

O problema com vírus nem vou comentar, porque isso já é parte ativa no dia-a-dia de windows users, mas o melhor aproveitamento do hardware, um sistema operacional mais leve e dinâmico, visual melhorado em relação ao Windows Vista (seu antecessor) e preços mais convidativos são alguns dos atrativos do Windows 7.

Estou realizando testes com a versão RC em um ambiente virtualizado com Virtual Box e como host utilizo o Linux Ubuntu e a performance geral do sistema se mostra melhor que a do Windows Vista com as mesmas firulas visuais.

Mas como nem tudo são flores o Windows 7 continua utilizando o antigo file system NTFS, seu kernel ainda é o velho e bugado kernel remendado desde o lançamento do primeiro Windows e embora a exigência de hardware para uma experiência aceitável de uso seja inferior ao do Windows Vista (também se fosse maior seria necessário um servidor para executar o sistema operacional) usuários com micros com mais de 4 anos não são aconselhados a instalar o novo Windows.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 323 outros assinantes

Busca

agosto 2020
DSTQQSS
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031 

Categorias