Leram suas DM, Slack, Teams e Google deduram você ao seu chefe

Leram suas DM, e agora? Pior ainda é se foi seu chefe que leu, alguma mensagem comprometedora, por isso vamos revelar um segredo bem sigiloso.

Leram suas DM, Slack, Teams e Google deduram você ao seu chefe
Leram suas DM, Slack, Teams e Google deduram você ao seu chefe

Sabe aquela mensagem em um momento de raiva? Sabia que leram suas DM e te deduraram para seu chefe?

Grandes players como Google, Teams e Slack estão dedurando você para o seu chefe, isso é uma clara violação de privacidade.

Seria algo similar ao carteiro abrir sua correspondência e entrega-la ao seu chefe.

Se teoricamente uma DM é restrita entre o remetente e o destinatário, como assim o seu chefe pode ler a sua mensagem privada?

A resposta é bem simples: depende do plano contratado pela sua empresa, das leis locais e da situação que você se envolveu.

Leram suas DM, Slack, Teams e Google abrem sua caixa privada para seu chefe

Os requisitos dependem de cada plataforma, uma que é bem utilizado em meios corporativos é o Slack.

Nela é possível uma empresa utilizando o plano PRO, aquele cobra US$ 4,00 mensais por usuário, solicite a exportação de mensagens dos canais privados.

O Slack salienta que somente exporta estas mensagens em casas de decisões judiciais, porém, é difícil confirmar esta mecânica.

Já que a ferramenta de exportação já existe e aparentemente é de uso reservado para algumas áreas corporativas.

A situação se agrava para empresas que assinam os planos Business+ (US$ 7,50 mensais por usuário ativo) ou no Enterprise Grid (vendas diretamente com o Slack), pois nestes planos a exportação de canais privados é padrão.

O Slack apenas “exige” que a empresa preserve o sigilo.

E a situação ainda piora mais, a Mozilla, alerta que apps de terceiros para Slack, como o Hanzo, também dão esse acesso, mas apenas para clientes do Enterprise Grid.

O problema vai muito além

Embora seja o mais famoso existem outras opções além do Slack.

No Teams existe uma ferramenta chamada Core eDiscovery para buscar e pesquisar mensagens privadas da sua equipe.

E esta ferramenta abrange ainda Skype, Office 365 e Outlook.

Já para o Google, usando o aplicativo Google Vault um administrador terá acessa a quais dados referente a sua conta e aos colaboradores cadastrados via Workspace.

E quanto a legalidade?

Para o direito, desde que exista aviso prévio, é possível impor monitoramento aos colaboradores, porém sempre existe uma grande discussão, já que envolve privacidade.

Lembrando que esta cultura da eterna vigilância é nociva para empresa, espanta bons profissionais e ainda pode gerar margem para manipulações.

E também abre precedente para que o colaborador exija a abertura de caixas privadas para comprovar casos de assédio por parte de chefes.

De qualquer maneira é sempre bom prezar pelo respeito mutuo e bom senso.

matrix
matrix

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 316 outros assinantes

Busca

junho 2022
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Categorias