Como preservar a bateria do seu notebook, contamos todos os segredos

Existem vários mitos, então vamos explicar tudo para você saber como preservar a bateria do seu notebook por muito mais tempo.

Como preservar a bateria do seu notebook, contamos todos os segredos
Como preservar a bateria do seu notebook, contamos todos os segredos

Existem vários mitos, até mesmo simpatias, com diversas formas de aumentar a vida útil da bateria do seu notebook, por isso vamos explicar como preservar a bateria do seu notebook da maneira correta.

O primeiro passo é entender como funciona o processo de carga e como é uma bateria atual, já que este componente mudou muito nos últimos anos.

Lembrando que o pior que pode acontecer com uma bateria é o aquecimento, então se o seu notebook aquece demais durante o uso, pouco irá adiantar seguir as dicas contidas neste post.

Como preservar a bateria do seu notebook: os segredos

Existem vários mitos acerca das baterias dos notebooks.

Estes mitos foram surgindo com o passar dos anos e basicamente se resumem a velhos hábitos que não se aplicam mais as baterias modernas.

Desvendando os mitos

Como a tecnologia empregada na bateria evoluiu, os mitos surgiram aliando hábitos antigos a nova tecnologia.

Alguns destes hábitos podem até mesmo denegrir a durabilidade da sua bateria. Veja alguns deles:

  1. Baterias viciam: atualmente não. Simples assim, antigamente com baterias de cádmio ou de outros compostos geravam um efeito apelidado de vício, que basicamente era o esgotamento dos ciclos de carga/descarga que as baterias possuíam. Atualmente as baterias de lítio não possuem o efeito memória (ou seja, não viciam).
  2. Contagem de ciclos: nas antigas baterias de cádmio cada vez que você conectava e retirava da tomada o gadget perdia um ciclo de carga, atualmente nas baterias de lítio um ciclo de carga somente é atingido quando o processo de carga recebe de 0% até 100% de forma acumulada, resumindo, temos ciclos de carga porém atualmente você pode carregar parcialmente sem preocupações.
  3. Não pode carregar além de 80%: este mito surgiu aparentemente devido ao fato de que por medida de segurança e para evitar superaquecimento o fluxo de carga vai ficando mais reduzido após a carga atingir 80% de capacidade, até chegar aos 100%. Isso é apenas um processo de segurança e não um indicador que não podemos carregar além de 80%.
  4. Não pode deixar descarregar menos que 20%: outro mito que surgiu de recomendação interpretada erroneamente, a questão é que ficar com menos de 20% de carga pode causar o incomodo da bateria esgotar e o gadget deixar você na mão, é apenas uma precaução.
  5. Se zerar a bateria danifica: não é bem assim, em gadgets com bom hardware o microprocessador da bateria sabe gerenciar bem a carga a partir do zero, porém alguns gadgets de baixa qualidade não conseguem fazer este gerenciamento corretamente e podem apresentar falhas ao tentar executar a carga a partir do zero, causando transtornos ao usuário.

Preservando a vida útil da sua bateria

A bateria de um notebook ou de qualquer outro gadget é um componente que se desgasta com o tempo, isso é fato.

Em resumo, com o passar dos anos a sua capacidade de carga diminui e fatalmente será necessário trocar a sua bateria em algum momento.

Porém alguns hábitos simples podem aumentar consideravelmente a longevidade da sua bateria, vamos mostrar alguns deles.

Evite o calor

O calor é o inimigo número um das baterias, portante evite ao máximo expor seu equipamento ao sol ou qualquer outra fonte de calor.

Um nota de preocupação é que vemos vários modelos de notebooks mal projetados e que por consequência aquecem em demasia.

Isso degrada muito a vida útil da sua bateria, então escolher bem o equipamento é crucial.

Evite o uso de aplicativos para gerenciar a bateria

Atualmente as baterias de lítio são microprocessadas e o sistema operacional do seu notebook é preparado para lidar e gerencia-la adequadamente.

Alguns aplicativos dos fabricantes de notebooks também fazem este trabalho em conjunto com o sistema operacional.

Por isso evite ao máximo o uso de aplicativos de terceiros que promete gerenciar a bateria de forma mais eficiente.

Primeiro porque isso é totalmente desnecessário.

Segundo porque um aplicativo mal projetado pode expor sua bateria a sobrecarga ou forçar sua operação degradando a sua vida útil.

Usar na tomada ou não?

Não se preocupe com isso, o sistema operacional em conjunto com o gerenciamento do boot e com o microprocessador da bateria cuidam disso para você.

Deixar o notebook todo o tempo na tomada em nada irá degradar a sua bateria.

Isso ocorre porque o processo de carga e gerenciado e ao chegar no limite o fluxo de energia é desviado, alimentando apenas o hardware do seu gadget.

Como guardar uma bateria por longos períodos

Aqui ocorre um fato curioso.

Se você for guardar um gadget por várias semanas sem uso é recomendando deixar a bateria entre 50% a 80% de carga.

Isso ocorre porque ao deixar a bateria parada por longos períodos em 100% irá ocorrer uma reação química nos íons de lítio, onde eles irá “cristalizar”.

Com o tempo este processo irá reduzir a capacidade de reter carga da sua bateria.

Mas lembre-se, sem paranoia, isso ocorre somente se períodos muito longos, sem uso forem ocorrer.

matrix
matrix

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 318 outros assinantes

Busca

agosto 2021
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Categorias