Ancine vai cobrar impostos para Netflix e outros

Você gosta do Netflix ou de qualquer outro meio de streaming? Então precisa conhecer a proposta que diz que a Ancine vai cobrar impostos para Neflix e outros canais de streaming.

Ancine vai cobrar impostos para Netflix e outros
Ancine vai cobrar impostos para Netflix e outros

O streaming de vídeo vem revolucionando a forma como consumimos mídia e neste embalo as fornecedoras de conteúdo, seja canais de TV ou canais ondemand, vem se adequando ao novo cenário e o usuário vem sendo agraciado com lançamos e mesmo séries exclusivas para canais on-line, mas em completa contramão no Brasil a Ancine vai cobrar impostos para Netflix e outros meios de streaming on-line, incluindo o Youtube.

E as novidades não param por aí, vem mais regulamentação e burocracia, tudo fruto da intervenção do Estado Brasileiro que teima em interferir em questões puramente mercadológicas que no final só atrasam a evolução tecnológica aqui no Brasil.

Ancine vai cobrar impostos para Netflix: a motivação

Somente no ano de 2015 o Netflix faturou cerca de R$ 500 milhões, daí todo o interesse da Ancine em tributar e controlar todos os meios de exibição.

Fora esta perspectiva de cobrança vale lembrar que todos os meios de veiculação já são obrigados a exibir 3:30 hrs por semana do horário nobre para veicular programas de origem nacional, tudo pelo bem da industria cinematográfica, segundo a Ancine.

De qualquer forma Netflix, vídeo sob demanda exclusivos para assinantes da TV paga, como HBO Go e NET Now e até mesmo o Youtube (para vídeos de origem comercial) sofrerão a tarifa e é provável que alguns até mesmo deixem de atuar por aqui.

Ancine vai cobrar impostos para Netflix: como fica

A diretora da Ancine, Rosana Alcântara, já debateu a proposta de imposto no Rio Content Market na última sexta-feira e que atualmente a proposta está em discussão entre os ministérios e esperamos que as operadoras se rebelem contra este novo imposto e façam lobby contrario.

Além de tudo, desde 2012, já existe uma instrução normativa da Ancine que já estabelece a cobrança de uma tarifa de até R$ 3.000,00 para cada vídeo exibido via streaming, a CONDECINE (Contribuição para o Desenvolvimento da Indústria Cinematográfica Nacional), resta saber como fica toda esta situação de cobrança excessiva.

Petter Rafael
Petter Rafael

Desenvolvedor Web atua com as tecnologias Java e PHP apoiadas pelos bancos de dados Oracle e MySQL. Além dos ambientes de desenvolvimento acima possuiu amplo conhecimento em servidores Apache/Tomcat, Photoshop, Arte & Foto, Flash e mais uma dezena de ferramentas e tecnologias emergentes. Atualmente colabora com o Viablog escrevendo sobre programação e tecnologia.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 322 outros assinantes

Busca

setembro 2020
DSTQQSS
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930 

Categorias